Olhar Zeloso

Autor: Cristina Schonwald de Oliveira

Gestora de Assuntos para Terceira Idade

Quem tem um familiar que chegou aos 60 anos (esta idade é a estabelecida pela OMS, Organização Mundial da Saúde, para a terceira idade), ou está próximo, é importante que comece a observá-lo melhor.

Procure olhar para ele quando está caminhando, se está firme, se oscila ou até se seus passos estão arrastados. Este é um primeiro alerta para alguns cuidados, como observar o tipo de calçado que ele está usando, pois calçado errado pode levar a quedas. Se os passos estão arrastados ou o andar é claudicante (andar travado e curto, com dificuldade), isso pode sugerir a necessidade de uma visita a um médico especialista. Nessa fase é muito importante a visita periódica a um geriatra, que indicará a necessidade de outro especialista.

Observe como o idoso está se vestindo. As dificuldades apresentadas podem indicar para mudanças no estilo de vestir, para que seja adequado e de acordo com a necessidade apresentada.

 

Aqui, algumas dicas sobre as roupas:

– Roupas confortáveis, fáceis de vestir e de tirar;

– Roupas de algodão;

– Meias que não apertem nas pernas, evitando problemas de circulação e feridas;

– Evitar fivelas;

– Evitar botões. Pode ser usado velcro no lugar de botões;

– Usar tênis adequado e confortável para caminhar, o que traz segurança e evita quedas;

– Sapatos sem cadarço, evitando que o idoso de abaixe e até mesmo que fique triste pela dificuldade em realizar uma tarefa simples.

Outro fator importante é olhar para a organização do armário do idoso ativo. O interior do seu armário deve proporcionar fácil acesso às roupas, que não devem estar colocadas muito no alto ou na parte bem de baixo. Dessa maneira, evita-se o risco de ele subir em cadeira ou banco ou até pequena escada, assim como ter tontura por se abaixar. Ambas as situações podem gerar desequilíbrio e perigo.

 

Dica para o dormitório:

– Usar armários com portas de correr, o que facilita o acesso ao seu interior, evitando riscos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *