Ogum das Fronteiras

Hoje é o dia de Ogum, dia de agradecer toda a proteção que é dirigida a nós diariamente.

As falanges de Ogum estão sempre ao seu lado, prontas para defender, compreender e auxiliar o despertar de cada Ser.

Não somos meros agentes de proteção, entendam, somos as falanges que estão aqui, próximo às camadas mais próximas deste orbe ao qual chamam de Terra e chamam de “lar”.

Este é o seu Lar, onde quereis estar? Se é denominado lar deveria ser dispensado amor integral a esse lar, seguindo as diretrizes básicas de cuidado e elevação.

Vosso lar temporário está aqui neste orbe, no hoje, pois escolheram estar aqui e desempenhar esse papel, que os levará a uma compreensão de algo maior. Estão aqui para aprender a cuidar, criar, auxiliar e somente depois ascender. Para ascender, a sua alma tem que estar pacífica, não no sentido de embotamento ou contemplação, mas no sentido de entendimento e respeito a todas as criaturas, às diretrizes de bom convívio, de preservação do todo, do amor simples e cativante.

Aprendendo a cuidar e não a destruir, para se proteger não precisas destruir, apenas tens que conhecer. Assim como o Mestre Jesus quando aqui passou deixou a mensagem clara, porém incompreendida até os dias atuais, ou simplesmente interpretada de acordo com a conveniência.

A mensagem é clara: “Conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará”. Neste dia meditem sobre esta afirmação.

Sou trabalhador das falanges de Ogum e não julgo, apenas faço cumprir a Lei Maior. Muitas vezes em vossas orações clamam por proteção e mal sabem que o que vemos é, em muitos casos, que temos que vos auxiliar a proteger-vos de vós mesmos, de vossas decisões equivocadas que geram mais adiante grandes conflitos entre vós e os que os cercam. Neste dia meditem sobre isso, e a cada Rosa Vermelha baixada em homenagem às minhas falanges de guerreiros esteja o firme propósito de abrir-lhes o entendimento para este tempo e o que virá.

Saibam que recebemos as vossas oferendas e as convertemos em energia amorosa para vós mesmos. Então, meditai sobre isso também, não temos como tocar em vossas oferendas, mas temos como convertê-las em energia em vosso próprio proveito e crescimento.

Assim, meus filhos, as falanges de Ogum neste dia em especial vos enviam ventos de bênçãos, de coragem, de virtudes. Procurem lutar, não contra outros, mas consigo mesmos, vencendo as vossas inclinações, e estudem, busquem o conhecimento como o próprio Mestre dos Mestres vos ensinou outrora: “Conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará”.

Sou Ogum das Fronteiras e quero deixar esta mensagem para que tenham a coragem de ultrapassar as vossas próprias fronteiras limitantes e rumar firmes com os pés bem plantados no chão a vosso futuro e a vossa vitória, primeiramente sobre vossas sombras e depois iluminados sereis. Ogum é vossa extensão, estivemos sempre muito próximos e sempre estaremos.

Ògum Ieé (Ogunhê)!!

Salve Ogum no teu dia!!

Mensagem recebida em 23/04/2019 - Núcleo de Estudos Estrela do Oriente - NELO